,

Desafios que empreendedores brasileiros enfrentam no Québec

Desafios que empreendedores brasileiros enfrentam no Québec

Certamente a capacidade criativa é uma das principais características do empreendedor brasileiro. Na hora de abrir um negócio no Québec, além da criatividade, é fundamental desenvolver outras capacidades para que os negócios deem certo.

O brasileiro está habituado a enfrentar situações de adversidades com uma boa dose de engenho e entusiasmo. Embora essa seja uma excelente qualidade, para abrir um negócio no Canada é necessário ir além: saber lidar com um cenário econômico e com um perfil diferente de consumidores é fundamental.

Neste texto apresentarei duas experiências de brasileiros que se tornaram empreendedores no Québec e citarei alguns desafios que um novo empreendedor tem que levar em consideração na hora de abrir um negócio.

Experiências brasileiras no Québec

O empreendedorismo surge do esforço e da paixão por fazer algo de que gostamos e da vontade de transformar isso em um próprio negócio.

Lina Donnard e Marlus Silva são dois brasileiros que apostaram no empreendedorismo como uma forma de carreira profissional no Canadá.

Lina, formada em relações internacionais, fez mestrado na Université de Montreal e desde 2012 atua na área de coaching acadêmico, orientando brasileiros que desejam estudar no Canadá.

Marlus, engenheiro de alimentos, chegou em Ville de Québec em 2013 e, em 2014, abriu a Opuszone, uma boutique de comércio virtual, ampliando posteriormente para uma loja física em um dos centros comerciais da cidade.

Os empreendimentos mais comuns da comunidade brasileira no Québec estão nas áreas do comércio, da alimentação, da assessoria em projetos de imigração e da prestação de serviços (transporte, consultoria financeira e imobiliária).

Como Marlus e Lina, outros brasileiros que chegaram ao Québec encontram no empreendedorismo uma opção de reinserção profissional. Alguns de seus conselhos achei interessante compartilhar com vocês:

“O brasileiro se destaca pela sua resiliência e profissionalismo. Por sermos imigrantes, temos que provar nossa competência com mais afinco do que os canadenses”.

Lina Donnardi – Co-Fundadora Mission Abroad

“O comportamento dos clientes no Brasil e no Canadá é completamente diferente. O empreendedor que vai abrir um negócio no Canada precisa fazer um estudo minucioso do comportamento e das necessidades dos clientes daqui”

Marlus da Silva. Proprietário da Opuszone

O empreendedorismo como carreira

O cenário econômico da província de Québec é muito favorável para abrir um negócio e o governo oferece alguns programas de apoio ao empreendedorismo muito bem estruturados.

Embora tenhamos um ambiente favorável ao empreendedorismo, o brasileiro precisa estar por dentro da atividade empresarial no Québec e fazer, às vezes, uma verdadeira reciclagem de suas competências.

Na visão de Marlus, contar com o suporte dos organismos governamentais foi muito importante na elaboração do seu plano de negócios e na procura dos melhores programas de financiamento.

Quanto às minhas experiências como participante em alguns programas de empreendedorismo, constatei a importância do investimento do tempo no projeto de empresa. Antes de começar a caminhada no mundo dos negócios no Québec é imprescindível ter uma ideia muito clara do que se quer fazer, principalmente conhecer as necessidades do cliente e as estratégias a serem adotadas.

No ponto de vista de Lina, as ideias de negócios de brasileiros deram certo ao longo da caminhada através da inovação e do constante aprendizado. De fato, como qualquer outra profissão, ser empreendedor requer ampliar os conhecimentos, aprimorar as competências e fazer parte ativa na atividade empresarial escolhida.

Muitas pessoas acreditam que ser empreendedor é uma qualidade inata deixando de lado o preparo, quando a formação especializada em empreendedorismo é a base de negócios bem-sucedidos.

No Brasil trabalhei como consultor assessorando pessoas e empresas em assuntos associados à liderança empreendedora. Nesses anos de experiência pude verificar que o líder empreendedor é a principal fonte de valor agregado nos negócios. Ele possui uma excelente leitura dos cenários e sabe como gerenciar estrategicamente os recursos.

Em síntese, as experiências adquiridas no Brasil em termos de empreendedorismo são muito válidas na hora de abrir um negócio no exterior. No entanto, para ser bem-sucedido nos empreendimentos no Canadá é necessário transferir e adaptar as competências à realidade empresarial canadense.

Há cinco conselhos que eu considero essenciais para ter sucesso nos empreendimentos:

  • Conhecer o ambiente econômico e o perfil dos consumidores;
  • Adaptar as competências profissionais à realidade empresarial canadense;
  • Ter clareza de onde se quer chegar;
  • Fazer parte de comunidades empreendedoras;
  • Cultivar o espírito empreendedor.

Espero que o conteúdo deste texto tenha inspirado atuais e futuros empreendedores para inovar seus projetos de negócios e arregaçar as mangas em seus planos.

Fiquem à vontade em contribuir com suas opiniões, terei o maior prazer em partilhar meus conhecimentos e experiências.

Até uma próxima!

What do you think?

0 points
Upvote Downvote

Total votes: 0

Upvotes: 0

Upvotes percentage: 0.000000%

Downvotes: 0

Downvotes percentage: 0.000000%

Written by Juan Canizares

Juan Canizares

Psicólogo Industrial e mestre em Administração de Recursos Humanos. Meu interesse em assuntos ligados a processos de transição profissional se deve à minha história de vida; trabalhei no Equador (sou equatoriano), no Brasil (sou brasileiro naturalizado) e atualmente moro no Québec, Canadá.