Primeiros passos no Québec

Salut, salut!

Esse é aquele post que você gostaria de ter um caldeirão cheio de purê de batata quentinho pra colocar no seu dogão no pão de baguete com 5 salsichas, carne-louca e batata palha!

Visualizou? Está com o hot-dog na mão? Então vamos ao que é preciso fazer ao pisar no chão gelado Québec.

Você é aquela pessoa que se dedicou imensamente ao processo. Leu muitas informações, sabe tudo de imigração e seu dossier até brilhava de tanto ketchup e mostarda que colocou nele. Impecável! Tanto que você conseguiu seu visto de residente e partiu na maior alegria. Então você chega aqui e lembra que:

Porém você se dá conta que não sabe o que fazer a partir de agora e essas informações estão bem perdidas nos sites ou, aquele agente de imigração que fala um québécois de Saguenay-Lac Saint-Jean complicado ou até um inglês na velocidade da luz, te deu tantas informações que você nem sabe por onde começar.

Sem problemas! Coloque este post no seus hot-dogs favoritos e abra ele assim que chegar no aeroporto – que aliás fornece internet de graça para os viajantes – e saiba o que fazer.

Cartão de RP

Antes de tudo! Saiba que não é necessário fornecer um endereço (se não for o seu fixo) para o agente de imigração. Você pode fazer de duas formas: ligando para o Service Canada ou cadastrando o endereço correto no e-Cas. Depois disso, o negócio é aguardar mais ou menos 3 semanas até que ele chegue no endereço indicado.carte_rp
IMPORTANTE!!! Não dê um endereço que não seja o seu fixo, pois os correios não redirecionam cartas vindas do governo federal ou provincial e se ela for devolvida, acredite, vai ser um parto até conseguir resolver.

Sabendo disso, continuamos…

Solicitando o NAS

O primeiro a ser feito é o NAS. Este é o principal documento para que você possa abrir uma conta no banco, conseguir um emprego, declarar o imposto de renda, comprar uma casa e… SÓ! O NAS é o CPF do Canada, mas diferentemente do Brasil, você não sai informando ele à torto e à direita pra todo mundo. Este documento é extremamente confidencial e você, de preferência, nem deve carregá-lo. Se alguém lhe pedir esse número, seja por telefone ou de qualquer forma, não entregue e nem informe-o.

Service-Canada-60-041Ah, mas e se me pedirem pra alugar um apartamento e/ou fazer uma linha de celular? Sem problemas! Você tem todo o direito de não informar. E por que você não deve fazer isso? O NAS é o número atrelado ao seu histórico de crédito, vida pessoal e financeira no Canada. Imagine só se você sai falando ele em todo lugar que vai! Uma hora ou outra você terá um histórico negativo digno de uma resma de papel e não tem ideia do porque. (outra hora entramos no assunto histórico de crédito, ok?)

Para fazê-lo, basta dirigir-se à um escritório do Service Canada mais próximo (ele deve ser feito pessoalmente e só em alguns casos é aceito pelo correio), levar o passaporte e sua confirmação de residente permanente. A emissão do NAS é gratuita e leva menos de 15 minutos, com o número impresso em papel e depois o envio do cartão para o endereço informado. Depois disso, guarde muito bem seu NAS num pão de hot-dog lugar seguro.

Obs.: trabalhador temporário também precisa fazer o NAS.

A carte soleil

Assurance maladie 20132702

Show de bola! Próximo passo! Agora é hora de você solicitar sua carte soleil. Este é o cartão do sistema de saúde do Québec, a RAMQ. É o bendito cartão que você só poderá usar depois dos 3 meses de carência que tanto falam. E é só depois de 3 meses que receberá ele pelo correio. Para isso você precisa entrar em contato com a RAMQ, solicitar a inscrição no serviço e eles irão explicar como deve fazer. Os principais documentos são: confirmação de residente permanente, CSQ, passaporte e comprovante de residência. Caso não tenha ainda o local fixo, solicite por telefone quais documentos poderá comprovar sua residência no Québec.

Obs.: o trabalhador temporário também tem direito à carte soleil.

O NAS e a carte soleil devem ser solicitados o mais rápido o possível! Portanto, não deixe pra amanhã! É tudo rápido e sem custo!

Agora que já fez essa parte, guarde a confirmação de residente permanente e seu CSQ junto com seu NAS e bora pro próximo…

Permis de conduire du Québec

Já é sabido entre os humildes aspirantes à imigração que sua CNH pode ser usada no Canada para dirigir, alugar um carro, como identidade (olha só que legal!) e para tirar sua nova permis de conduire du Québec. Então ressaltamos os pontos mais importantes:

  • A CNH só pode ser usada nos próximos 6 meses que se seguem após sua chegada ao Canada;
  • Você poderá usar sua experiência da CNH permanente (a provisória não é válida) para tirar a permis de conduire apenas fazendo a prova teórica e uma prova prática de condução;
  • Nestes primeiros 6 meses você precisa, ao menos, abrir seu dossier na SAAQ;
    • É preciso agendar o dia para levar os documentos;
    • É possível fazer a prova teórica no dia de abertura do dossier;
    • Geralmente este agendamento é marcado para 1 mês depois da ligação.IMMATRICULATION
  • A CNH internacional NÃO É ACEITA na SAAQ!;
  • É OBRIGATÓRIO uma tradução da CNH, feita por um tradutor cadastrado na OTTIAQ;
    • A tradução pode ser em inglês ou francês;
  • Você tem até 3 anos para fazer e passar nas provas;
  • Não há limite de tentativas para passar nas provas, mas você fica de molho sem poder fazer por 1 mês e além de pagar novamente;
  • Indiferente de ter aberto o dossier ou não, a CNH NÃO pode ser usada após os 6 primeiros meses;
    • No dia da prova prática eles farão uma permis de conduire provisória SOMENTE para o exame;
    • Caso passe na prova você receberá um papel que servirá como permis de conduire até receber o cartão;
    • Caso não passe na prova a permis de conduire provisória perde a validade “tout de suite”;
  • Caso você não abra seu dossier nos primeiros 6 meses após a chegada no Canada, sua experiência da CNH perde a validade e você precisará começar o processo para uma permis de conduire do zero (acredite, você não vai querer isso).

Obs.: os trabalhadores temporários também precisam fazer a permis de conduires se quiserem continuar dirigindo após os 6 meses.

Válido para residentes permanentes

Caramba! Que legal tudo isso! Eu consegui fazer direitinho, mas… Sabe o que é? Meu francês tá aquela miséria coisa e eu queria muito melhorar, mas não faço ideia de como.

Fique tranquilo! As informações necessárias estão no site do MIDI e você pode fazer sua francisação após um teste de conhecimentos. Você só poderá fazer esta formação caso seu nível esteja abaixo do B2 (nota de equivalência ao francês intermediário do TCF). São no máximo 3 módulos com 3 meses de duração cada um, em tempo integral, e vai do básico ao intermediário. Quanto antes você agendar seu teste e marcar pra fazer o curso, mais rápido consegue uma vaga.
Caso você faça o curso intensivo à tempo integral (30h semanais) você poderá solicitar uma ajuda financeira. Mas não se anime, o valor não te ajuda a comprar uma BMW, nem pagar as contas. Talvez dê pra comprar um dogão. É por isso que se chama ajuda financeira e não “fica de boa que a gente paga as contas”.

Mais informações

Nossa, é muita coisa!

Sim, é verdade! E é por isso que não podemos escrever tudo em nosso post, senão passaremos uma semana escrevendo ele. Mas como somos muito legais, caso você tenha interesse e/ou curiosidade em saber mais sobre essas informações, você pode ler na seção Vivre au Québec no site do MIDI e no site do CIC nas seções Nouveaux immigrants ou Vivre au Canada.

Bom apetite e boa leitura!

Ah! E bem-vindo!


Glossário deste post

  • RP – residente permanente;
  • CSQ – Certificat de sélection du Québec
  • NAS – Numéro d’assurance sociale (número do seguro social);
  • Carte soleil – cartão do seguro saúde (equivale ao cartão do SUS);
  • RAMQ – Régie d’assurance maladie du Québec;
  • SAAQ – Société de l’assurance automobile du Québec;
  • OTTIAQ – Ordre des traducteurs, terminologues et interprètes agréés du Québec;
  • MIDI – Ministère de l’immigration, diversité et inclusion;
  • TCF – Test de connaissance du français;
  • CIC – Citoyenneté et Immigration Canada;
  • Tout de suite – logo em seguida;
  • BMW – todo mundo sabe o que é…:-)

Written by Gianni Bueno

Gianni Bueno

Autor, criador de um blog estranho e comedor de hot-dog com purê.